Pra que cada tipo de shampoo serve??

Olá galerinha, como foi o fim de semana? Espero que bom :D

Ainda abordando a área de assunto "cabelo" eu pensei sobre uma coisa que quase ninguém fala: Por que shampoos diferentes se são todos para limpar o couro cabeludo??

Pois é, com essa curiosidade que eu fui procurar mais sobre o assunto,e a seguir vou falar para vocês o que eu aprendi. Algumas coisas vocês já devem imaginar ou até mesmo saber o porque, mas de qualquer forma nunca é demais né?!

Bora?!


Tipos:

Leitoso: O shampoo leitoso tem a textura mais densa e é indicado para quando os cabelos já estão limpos, pois ele tem baixo poder de limpeza e é usado para hidratação da raiz do cabelo, para função específica designada no rótulo ( cabelo cacheado, liso, caspa, anti queda etc). 

Translúcido ou perolado: Ele está no meio termo entre o transparente e o leitoso, assim limpando e hidratando de forma superficial, por isso é indicado para uso diário.

Transparente X Antirresíduos: Esse particularmente sempre me confundiu, porque se o shampoo transparente limpa mais então ele é igual o antirresíduo e isso indicaria que seria apenas dois nomes para um único shampoo (e para vender mais caro um deles), mas tem sim diferença, e está no PH do produto. Shampoos com PH elevado limpam mais pois abrem as cutículas e costumam retirar bem os resíduos e cremes de tratamentos anteriores. Os antirresiduos tem o PH alcalino, por isso terá o PH acima de 8 ( 7 é o PH neutro, abaixo dele é ácido a qual fecha as cutículas do cabelo, acima começa ser alcalino assim abrindo as cutículas do cabelo). Já o transparente pode muito bem ser acima de 7 mas não ultrapassar 8, basicamente ele é feito só para limpar porém é ainda assim mais 
fraco.



Utilização: 

  • Cabelos oleosos:  Os shampoos transparentes são os mais ideais e os antirresíduos a cada 15 dias no mínimo, porém não é totalmente errado usar um leitoso ou perolado as vezes, isso porque se você tem o cabelo oleoso e lava sempre o shampoo transparente pode ressecá-lo demais e causar um efeito contrário - quando você tira a oleosidade demais do couro cabeludo, ele entende que não está produzindo o suficiente e então acaba produzindo muito além do que produzia antes, seu cabelo ficará mais oleoso e você nem vai entender porque - então se você lava todos os dias, pode intercalar entre o transparente e o perolado (que como já falamos fica entre hidratar e limpar os fios), e se você lava menos vezes na semana (por exemplo 3x como eu) você pode sim usar o leitoso, mas logo após lavar pelo menos uma vez com o transparente, porque se você usar ele sozinho em outro dia como o perolado ele vai só pesar mais seu cabelo.
  • Cabelos normais: Os cabelos normais são os mais simples de "agradar" já que existe um equilíbrio de oleosidade na raiz (acho que é cada vez mais raro nos dias de hoje), então basicamente pode usar qualquer tipo, contanto que você lembre que tudo em excesso faz mal e a cada 30 dias, ou menos se achar melhor, use o antirresíduo para tirar qualquer acúmulo de produtos.
  • Cabelos secos: A pouca oleosidade produzida no couro cabeludo faz com que todo o cabelo tenha uma aparência opaca (oleosidade é hidratação natural do cabelo), então ideal é lavar o menos possível e apenas com o shampoo do tipo leitoso, fora que o cabelo seco só parece melhor no dia seguinte da lavagem que é quando "pesa". É bom que procure shampoo que contenha óleos assim ajuda na "nutrição" da raiz. 


Obs: As informações são sobre o tipo de shampoo e não a sua finalidade, existe diferentes tipos de shampoos leitosos e perolados e até alguns transparentes, por isso por exemplo talvez um leitoso pode ser diferente de outro no seu cabelo. 



Como lavar: Você sabia que existe um modo certo de lavar? Confesso que é meio enjoado lembrar,mas ainda sim é o certo, ok? ok! rsrs'
O jeito é o seguinte: Você pega a quantidade de uma moeda de 50 centavos e diluir na água e só depois passar no cabelo. 
- "Por que?" Porque assim você não passa muito em um lugar só e no outro quase nada.
- "Mas é só passar mais até sentir que passei em tudo" Você quer limpar o cabelo e achar mesmo que passar toda vida o shampoo é o jeito certo? Fora que aja shampoo pra você que passa até fazer um cabelo de espuma. kkk'
Também é para massagear a raiz pra ativar a circulação que ajuda no crescimento. Mas PLEASE NADA DE UNHA, faça massagem de leve com as pontas dos dedos, você quer cuidar e não ferir a raiz do cabelo.
Outra coisa é que shampoo é pra RAIZ e não para o comprimento, isso quer dizer que você passa na raiz e nunca pegue e mais e passe até as pontas,deixe que o que você passou na raiz escorra naturalmente até as pontas, é o suficiente.

Shampoo com sal X  sem sal: Pra começar quero dizer que não existe shampoo 100% sem sal, mas calma que eu explico. O sal é um componente importante para a limpeza dos fios e até na viscosidade do shampoo (sem esse ativo o shampoo fica aguado e escorre pelos dedos), então isso quer dizer que você usa sim sal no seu shampoo porém é em quantidade menores, as vezes bem menores, do que antigamente - se você encontrar os termos lauril, lauryl, ou laureth na composição significa que tem sal sim - os sais são utilizados em baixa quantidade e assim diluem em água, não causando nenhum dano ou ressecamento. Lembrando que o que abre a cutícula é o PH do shampoo, sal é outra história. 
Eu particularmente não acho mais nenhum shampoo que não esteja escrito " sem sal", então só digo que experimentem os shampoos e use o que você goste mais.


Então é isso galerinha. Comenta aí se gostou e segue nossa página no facebook.


Bjokas da Jho 










2 comentários:

  1. Olá jho, acompanho seu blog e AMEI simplesmente AMEI todos os teus postes , estou adorando muito cada um deles e vai ser muito útil pra mim pois tenho muita dificuldade com isso. Obrigada xD

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oii flor. Que bom que gostou, isso me anima a sempre fazer mais e mais.Você também pode dar sugestões de assuntos eu ia adorar. De nada. Bjoka da Jho

      Excluir

© Seu Blog Aqui - 2017 | Todos os direitos reservados.
Desenvolvimento por: Renata Massa | Tecnologia do Blogger.
imagem-logo